O presidente da Câmara Municipal, Jairo Arruda (PDT), vereadores e o assessor jurídico da Câmara, Hugo Leandro Simões Sorrilha, visitaram algumas escolas no dia de ontem (3), para apresentar a ideia da formação da Câmara Mirim. Objetivando incentivar os adolescentes e comunidade a participarem da política, a primeira Câmara Mirim deverá ser eleita no início do ano de 2018. O projeto também visa aproximar mais a comunidade do Legislativo Municipal, como forma de esclarecer sempre mais qual é a real função do vereador.

Os vereadores continuarão visitando as escolas e colégios na próxima semana. Serão eleitos 9 alunos/vereadores mirins e 9 suplentes. Estes representarão a Escola Estadual Rui Barbosa, Colégio Estadual João XXIII, Colégio Estadual São Luiz Gonzaga e Escola Nossa Senhora de Fátima. Cada estabelecimento de ensino elegerá o(s) seu(s) representante(s).

O mandato terá duração de um ano e as reuniões serão mensais. As indicações serão encaminhadas ao prefeito, como as indicações da Câmara Municipal. Cada aluno/vereador mirim terá o apadrinhamento, ou seja, o acompanhamento de um vereador.

O primeiro passo para a formação da Câmara Mirim foi dado pelo vereador Antonio Luciano dos Santos (Toninho da Rodoviária), falecido em 13 de novembro de 2016. O projeto, de sua autoria, foi aprovado nas sessões da Câmara Municipal de Mamborê, em novembro de 2011, conforme matéria no TR Notícias.